Diário | Journal

De quanta semente é que precisamos e porquê?

Densidade da sementeira conforme aconselhada pela Maria das Dores. / Flax sowing density as advised by Maria das Dores.


Densidade da sementeira conforme aconselhada pela Maria das Dores. / Flax sowing density as advised by Maria das Dores.

Comparação de 2 caules: um localizado no meio do talhão (o mais fino), onde a distribuição é mais densa, e outro de uma planta cuja semente "caiu" fora do talhão e cresceu sem outras plantas à volta. / Comparing two stems: one from a plant located in the middle of the field (the thinner one), where the distribution is denser, and another from a seed who fell outside the field.

Comparação de 2 caules: um localizado no meio do talhão (o mais fino), onde a distribuição é mais densa, e outro de uma planta cuja semente "caiu" fora do talhão e cresceu sem outras plantas à volta. / Comparing two stems: one from a plant located in the middle of the field (the thinner one), where the distribution is denser, and another from a seed who fell outside the field.

Acho que a pergunta para a qual mais me esforcei para encontrar uma resposta clara junto das pessoas que consultei e do material que li foi: "Para semear um campo de linho de cerca de 300m2, de quanta semente é que precisamos?"
Pergunta importante, pois precisava de saber claramente quanta semente é que tinha de angariar ou então, caso conseguisse menos do que esperava (o que foi o caso), qual seria a área de cultivo correspondente.
Algumas das respostas que obtive foram:
 

- Resposta #01, do BPGV: "500gr de semente dão para mais de 500m2."
- Resposta #02, de uma fonte que também cultiva o linho anualmente, mas cuja semente não cheguei a usar: "Para 300m2? Vai precisar praí de uns 15Kg de semente!"
- Resposta #03, da Maria das Dores: "Para 300m2, deve precisar no mínimo de 5Kg de semente."

Com um bocadinho mais de investigação, percebi que o problema da resposta do BPGV é que não estavam a contabilizar o facto de nós estarmos a cultivar um campo especificamente para finalidade têxtil. E qual é a especificidade aqui? Na verdade são duas. Uma é o facto de precisarmos que a planta cresça vertical, para não quebrar a fibra, e para isso, o cultivo não pode ser muito raro, pois vai dar ao linho espaço para ramificar e crescer na horizontal. A outra razão, é que queremos obter uma fibra bem fina. Acontece que a planta do linho, no seu interior, possui sempre o mesmo número de feixes que engrossam ou estreitam de acordo com o espaço disponível para crescer. Ou seja, se a sementeira for realizada com pouca densidade, vamos acabar com caules mais grossos, que nos vão fornecer fibra mais espessa e uma elevada percentagem de estopa. Para obter uma fibra fina e delicada, é preciso realizar uma sementeira densa, que limite a espessura dos caules naturalmente.
Na segunda imagem acima, eu comparo o caule de uma das plantas que estão no meio do talhão, numa zona muito densa, com outro caule de uma que tendo calhado fora do talhão, tinha menos plantas à volta. Como se pode ver claramente, a segunda é duas ou três vezes mais espessa que a primeira.

Quanto à resposta #02, e à medida que aprendia mais sobre o assunto, percebi (e verifiquei) que a semente deles tinha uma taxa de germinação mais baixa que as que usamos, e que os sacos de semente também tinham bastante lixo - ou seja, peso contabilizado que não é semente.

De todas, a resposta da Dores parecia-me a mais equilibrada, quanto mais não seja, porque ela faz o cultivo especificamente para produzir linho de qualidade e nunca parou de frisar a importância de o semear bem denso, quando falei com ela.
Mas para confirmar duplamente, coloquei a mesma questão ao Eng.Silva que me remeteu para os estudos e livros escritos pelo Eng.Flávio Martins, e que aconselha o seguinte num dos seus livros:

"A sementeira faz-se empregando desde 160 até 200 e mais quilos por hectare." e noutro livro seu diz ainda "Uma boa densidade de plantas contém por metro quadrado cerca de 2000." 
Tenho ainda outro livro que fala em "250 a 300 litros de semente por hectare", quando o propósito é obter fibra fina, o que se traduz em cerca de 190-228 quilos por hectare (o peso específico do linho é de 760gr).
A resposta da Dores, equivale a aproximadamente 170 quilos por hectare, sendo por isso bastante concordante com esta informação. Claro que dentro destas indicações há uma certa relatividade, pois já percebemos que varia ligeiramente de acordo com a finura do linho que queremos produzir, e isso é uma opção.

Assim, para semear uma área de 300m2 para finalidade têxtil, podemos gastar desde 4,8 quilos até 6,6 quilos, aproximadamente. Ou seja, entre 16 e 22gr de semente por metro quadrado. 

--

[Este post refere-se à investigação e actividades desenvolvidas no âmbito do programa Saber Fazer em Serralves ]


How much flax seed do we need and why?

The question I tried harder to find a clear answer to, with all the people I’ve met and in the books I’ve read was: “If I want to sow a 300m2 flax crop, how much seed do I need?”.
Important question, this one, because I wanted to know how much flax seed I would need to find or, in case I got less than expected (this was what happened), what would be the corresponding crop area.
Here are some of the answers I got:

- Answer #01, from the BPGV: “500gr of flax seed will be enough for more than 500m2!”
- Answer #02, from a source that also grows flax for fiber every year: “For 300m2? You’ll need about 15Kg of flax seed!”
- Answer #03, from Maria das Dores: “For 300m2 you should need about 5Kg of flax seed.”

Investigating a little further, I understood that the problem with BPGV’s answer was that they weren’t taking in consideration that we wanted to grow flax for fiber purposes. And why is this any different? Because of two reasons. One is the fact that we need the plant to grow vertically, so that it won’t break the fiber, so the seeds can’t be casted to thin, as this will allow too much space in between plants and make them branch out and grow horizontally.
The other reason is that we want to grow a thin fiber. It happens that the flax plant, inside the stem, always has the same number of fiber bundles, that grow thicker or thinner according to the available space for growth. This means that if we spread the seed too thin, we’ll get thicker plants, that will provide thicker flax and a higher percentage of tow. In order to obtain a thinner fiber, we need to make the sowing denser, as this will naturally limit the stem’s width.
In the image above, I have in my hand two stems: one from a plant located in the middle of the field (the thinner one), and another from a plant from a seed that fell out of the field. We can clearly see that the second one is twice or even three times thicker than the first one.

As to answer #02, soon after I learned that their seeds had a lower germination rate than the ones we used, and that their bags also had a lot of detritus, that contributed to the weight increase. I didn't look any further into the reason why they have been using such a large amount of seed.

From all the answers I got, the one from Dores felt the more appropriate, if not for anything else, just because she grows flax every year and as we were talking she never stopped mentioning how important the sowing density was in order to obtain good fiber.
But to double check, I asked Eng.Silva about this, and he advised me to check what Eng.Flávio Martins books said about it. Here's what I found:
“The sowing is done using from 160 to 200Kg of seed for hectare” and in another of his books it says “A good plant density would be of about 2000 for square meter.”
I have yet another book that mentions “250 to 300L of seed for hectare”, when the focus is on obtaining thin fiber. This translate to about 190-228Kg for hectare (flax’s specific weight is of about 760gr).
Dores’ answer is equivalent to about 170Kg for hectare, making perfect sense according to what I read. 
Of course, by now we understand that the sowing density is relative, because it will vary according to how thin we want our flax to be, and that is an option to take.

So, in order to grow a 300m2 flax crop for fiber purposes, we should be spending from 4,8Kg to 6,6Kg of seed, approximately - about 16 to 22gr for square meter.

--

[This post refers to the investigation and activities developed during the Saber Fazer em Serralves program]